quinta-feira, 17 de dezembro de 2009

Conversas com ele...

A propósito da nossa saída de fds e porque nós estávamos em casa e o Pai a trabalhar, decidi pegar nas malas, levar os pequeninos e ir ter com ele. Combinei com o Pai que saía depois do almoço e expliquei o plano ao Xavi que, desde esse momento, ficou numa ansiedade descontrolada! A toda a hora me perguntava quando íamos para o Hotel!!! A meio da manhã de 6ªf, põe-se à janela da varanda e diz num tom elevado e ao mesmo tempo sufocado:
- MAMÃ... JÁ NÃO VAI DÁ TEMPO!!!...
- Já não vai dar tempo para quê?!!!
- PARA IRMOS AO HOTEL!!!... está a ficá escu(r)o... (isto às 11h30!!)
- Ó filho... claro que vai! Ainda é cedo. Dá tempo para tu e a mana almoçarem aqui em casa e dp a mamã almoçar na casa dos avós antes de irmos!
- (A)INDA VAMOS À VÓ?????? Vamos chegá at(r)asados... (e suspira!)


A falar dos presentes de Natal...
- Eu já disse ao J.R. o que quero para o Natal.
- Ai foi? E o que é?
- Um "xequeite"!
- Um skate?! Xavier, não me parece NADA uma boa ideia... É perigoso, porque podes cair e magoar-te a sério...
- Não mamã. Eu não vai "magar-me". Tu comp(r)as umas "joalhadas" p(ar)a mim e "axim" não há problema se eu "amandar-me" pó chão!

- MÃEEEEEE! (grita ele, enquanto absorvia um panfleto de publicidade a brinquedos de um hiper qualquer) este binquedo é o meu mais p(r)eferido!


Em casa da avó A...
- Vamos ficá mais muito tempo aqui?
- Porquê?
- Porque eu quero ficá mais muito tempo aqui.

Comigo, em casa...
- Xavi. dás-me um abraço?
- Humm... deixa-me penxá... - e faz uma pausa e depois diz baixinho para ele próprio - Penxa Xavier... penxa... penxa...
- Mas é preciso pensares assim tanto para me responderes acerca do abraço que te pedi???!!
- É.
- Então e já pensaste o suficiente no assunto?!!!
- Não. - e deita-se no sofá - Vou penxá deitado.
- Não acredito nisto Xavier. Vou-me embora, porque já não quero o abraço...(Anda uma mãe a criar um filho para isto!!!)
- NÃO!
... e estende aqueles braços pequeninos, mas que formam um abraço gigante, com o poder de cercar todo o meu mundo por inteiro. Fez-me sentir que a espera valeu a pena!


Na TV a Marisa Cruz falava acerca dos seus filhos serem as estrelas do Natal lá em sua casa...
- Os filhos sao est(r)elas???!!!
- Sim, filho. Eu explico-te. Como os filhos nos trazem tantas coisas boas, tanta alegria, são para os pais como a luz das estrelas para o céu. Tu e a mana tb são as nossas estrelas.
- Eu não, mãe. Não xou est(r)ela. Xou - e diz isto com cara de mau e dentes arreganhados! - o Homem-aranha! Arghhhhh! Xou um Homem-aranha... MAUUUUUUU!
(foi mesmo um comentário à gajo. Qual sensibilidade, qual quê! Claro está, que o Pai se desatou a rir com a resposta! Cumplicidade de Homens!!!)

A ver o "Ídolos"...
- Aquele menino chama-se Salvador??!! Mas salvador é o menino que salva na p(r)aia...

À dias, expliquei-lhe que não se diz "mais grande", mas sim, "maior". Agora de "mais grande"... passou a dizer - "Mais maior"!!! (I rest my case!:D)

Um comentário:

Luna disse...

Passei pra desejar um Natal abençoado pra vc e sua família, repleto de amor, harmonia e alegria.

Bjinhos e Feliz Natal!

Luna e Felipe